Buscar
  • Vagley Harry

Sistemas energia solar On-Grid e Off-Grid: Entenda de vez as diferenças!

Atualizado: 27 de fev.

Entenda tudo sobre suas vantagens e desvantagens

Se você já planejou ter um sistema de energia solar na sua casa, provavelmente se deparou com dois tipos de instalação: o On-Grid e o Off-Grid.

A principal diferença entre os dois é que um é ligado à rede da distribuidora de energia e o outro é um sistema totalmente independente, mas neste artigo explicaremos no detalhe quais são as vantagens e as desvantagens de cada um.


ON-GRID

Como o próprio nome já diz ele é “conectado à rede”, consiste em um grupo de equipamentos (placas, inversor e componentes) que, captam a tensão e a frequência da energia do sol, a transformam em energia elétrica e em seguida fazem a injeção desta energia diretamente na rede elétrica de energia.


Mas por que a energia é injetada na rede?

O sistema On-Grid está diretamente ligado à rede de energia, ou seja, os painéis não geram energia para a casa diretamente, e sim trabalham um conceito de compensação com a rede elétrica, desta forma é a rede elétrica quem fornece a energia para a residência durante a noite. Por exemplo, se durante o dia o sistema gerou mais energia do que você consumiu, este excedente é injetado na rede elétrica, já na parte da noite os painéis não geram energia alguma, desta forma a rede elétrica que fornece a energia para a residência.

Essa compensação funciona através dos créditos de energia, que são produzidos justamente com a sobra de energia gerada na residência e são abatidos automaticamente da fatura de conta de luz.

Desta forma, a maioria dos projetos utilizam o sistema On-grid porque a rede elétrica atua como uma bateria, que fornece energia ilimitada sob demanda e armazena todo o excedente produzido. Vale lembrar que um sistema on grid funciona apenas em momentos que há energia na rede. No caso de unidades consumidoras fora da rede elétrica ou em locais com muita indisponibilidade de energia, o sistema on grid não supre todas as necessidades.


OFF-GRID

Já o sistema Off-grid não é conectado à rede elétrica, por isso é considerado autônomo. Ou seja, toda a energia gerada nos painéis abastece diretamente o consumo do local e utiliza baterias no lugar da rede elétrica para armazenar a energia.

Geralmente ele é utilizado em locais que tem um propósito específico, como bombeamento de água, galpões de armazenamento, eletrificação de cercas, lugares que não tem acesso à rede elétrica de energia.

A maior vantagem de se usar este tipo de sistema é que ele é auto sustentável e não depende de nenhum terceiro para funcionar, e sim da própria bateria que armazena a energia elétrica para ser usada em situações em que o o sol não esteja presente.


Qual a melhor escolha?

Tanto o On-grid quanto o Off-grid tem suas vantagens e desvantagens, por isso essa escolha depende da necessidade do consumidor.

O Sistema On-grid tem um custo reduzido em comparação ao Off-grid por descartar a utilização de baterias. É mais eficiente uma vez que tem 100% da disposição da concessionária, contando com um risco muito menor de falta de energia. Além disso, existe o sistema de compensação de créditos – que também podem ser utilizados em outra unidade consumidora que tenham o mesmo proprietário e a mesma concessionaria de energia. Por outro lado este sistema tem como desvantagem o fato de não ser totalmente independente – ficando sujeito à falta de luz – e é necessário um pagamento do custo de disponibilidade, um valor fixo que deve ser pago mensalmente à distribuidora por estar conectado à rede.

O Sistema Off-grid tem como vantagem o fato de ser 100% independente, pode ser utilizado em regiões remotas, possui um próprio sistema de armazenamento de energia e não é necessário pagar o custo de disponibilidade. Porém ele traz algumas desvantagens, como o custo que é mais alto por causa das baterias, é menos eficiente e não tem o suporte da rede distribuidora caso aconteça algum problema. Vale ressaltar que para abastecer totalmente uma residência com um sistema Off-grid é necessário um alto investimento e um amplo espaço para armazenar as baterias, portanto ele é mais recomendado para um consumo menor.


Ficou com alguma dúvida sobre o assunto? Entre em contato com nossa equipe!

Acompanhe sempre as postagens aqui no blog!

13 visualizações0 comentário