Buscar
  • Vagley Harry

Carros elétricos: O futuro automotivo aliado a energia solar



Diversos foram os danos causados pelo ser humano ao ecossistema terrestre. A poluição causada através de consumos incorretos causa danos irreversíveis ao planeta e desse modo, viu-se a urgência de mudanças em nossos hábitos. A tecnologia mostrou-se uma aliada a sustentabilidade, auxiliando na inovação em diversos meios como energia, alimentação e locomoção, por exemplo. Nesse sentido, trouxemos este artigo com informações relevantes sobre os carros elétricos, a nova tecnologia aliada a um planeta mais limpo.


A energia solar e os carros elétricos


Os carros elétricos são o futuro automotivo e os números não mentem. Segundo a Associação Brasileira do Veículo Elétrico (Abve), a venda dos veículos elétricos bateram recorde no ano de 2020 com aumento de 66% em relação a 2019. Em 2020 foram registrados um total de 19.745 veículos em circulação no Brasil, já no ano passado houve um crescimento de 77% no aumento de vendas, foram um total de 34.990 emplacamentos, sendo como líder geral Toyota Corolla Cross, lançado em 2021, e que sozinho vendeu 11.027 unidades.


Como os carros elétricos funcionam?


De acordo com os números apresentados acima, podemos perceber que veremos muitos destes carros circulando pelo país. Atualmente, utilizamos os carros elétricos híbridos que possuem um sistema a combustão convencional. O combustível utilizado nestes veículos não é para a locomoção e sim para otimizar a autonomia do veículo e carregamento das baterias.

Contudo, o combustível fóssil não é a única forma de carregar as baterias dos carros elétricos híbridos. Pode-se carregar também em tomadas disponíveis em postos de alimentação comumente abastecidos com energia solar ou através de energia cinética produzida por meio da frenagem do veículo.


A tecnologia aliada a sustentabilidade:


Os carros a combustão geram um impacto negativo na camada atmosférica. Isso porque o combustível fóssil, utilizado para a locomoção dos veículos emitem gases tóxicos tais como CO². Porém, este não é o único gás poluente emitido por esse tipo de combustível. Monóxido de Carbono (CO), Hidrocarbonetos (HC), Dióxido de enxofre (SO2), Aldeídos (CHO), Óxidos de nitrogênio (NOx) e Material particulado (MP) também são produzidos pela combustão dos combustíveis fosseis.

A fim de promover maior sustentabilidade, foram projetados os carros elétricos que reduzem substancialmente a emissão destes gases tóxicos que causam serias complicações de saúde aos humanos.


O futuro dos carros elétricos:


A aplicabilidade da energia solar tem se expandido e atualmente é aprimorada para uma geração eficaz para os carros elétricos. Hoje, os carros movidos a energia solar são capazes de gerar energia suficiente para se locomoverem por até 30 km ao dia. Estes utilizam baterias ou células embutidas que captam a energia do sol. Além disso, existem os painéis solares nos tetos.

A energia solar está presente também nos estacionamentos sustentáveis que além de alimentar as baterias dos veículos elétricos, geram energia para o próprio estacionamento.

Nesse ínterim, podemos perceber que a tecnologia dos carros solares só terá impactos positivos ambientais e sociais se relacionados com a energia solar. Espera-se que, com os estudos relacionados a área, os carros elétricos do futuro sejam capazes de gerar energia suficiente para se equipararem ao desempenho dos veículos a combustão. O futuro está a caminho.


Ficou com alguma dúvida sobre o assunto? Entre em contato com nossa equipe!

Acompanhe sempre as postagens aqui no blog!

0 visualização0 comentário